Dicas de estratégia de torneio de poker para iniciantes

Font Size
A A A

Se você sonha alto, participar dos torneios de poker é provavelmente a resposta para a fantasia de todo jogador. Não seria ótimo ganhar um título, com um prêmio em dinheiro que mudaria a vida de qualquer um?

No entanto, muitos jogadores simplesmente tornam-se presas fáceis em torneios de poker. Eles têm pouca, ou nenhuma chance, de chegar à mesa final ou ganhar. Não deixe que este seja você!

Porém,  você pode mudar isso com um sólido plano de Estratégia de Torneio de Texas Hold'em. E, é claro, você precisa colocar esse plano em prática para ganhar. Neste guia, vamos mostrar-lhe como se tornar um jogador de torneio obstinado. Ninguém mais confundirá seu cacife com um trampolim para o sucesso.

Estratégia de torneio de poker: principais componentes

Em primeiro lugar, vamos discutir as 5 dicas importantes de estratégia de torneio de poker, nas quais os novatos e os jogadores intermediários precisam se concentrar para se tornarem adversários difíceis. Você sabe, aquele tipo de jogador que ninguém quer olhar e encontrar na mesa.

Sendo assim, ter muito para lembrar e pensar durante um torneio pode ser bem ruim. Estas 5 dicas básicas vão ajudá-lo a manter o foco na tarefa em cada mão, proporcionando uma base sólida para o aprendizado futuro.

 

Agora é hora de armar-se para a próxima batalha...

1. Começando pelo início, meio e fim

Todos os torneios de poker têm uma fase inicial, intermediária e final. No entanto, muitos jogadores simplesmente jogam cada fase da mesma maneira. Como regra geral, você deve jogar as fases finais do torneio com muito mais agressividade do que as iniciais.

Uma grande razão para isso é que os blinds são menores no início. Não há necessidade de correr grandes riscos para ganhar fichas extras. Além disso, se você puder criar a imagem de um jogador seletivo (tight), terá mais respeito quando abrir o seu jogo (jogar mais mãos em posição) nas fases posteriores.

Jogando com A-9 de naipes diferentes nas fases inicial e final de um MTT

Uma mão como A-9 de naipes diferentes poderia ser facilmente atirada no morto já no pré-flop nas fases iniciais de um  MTT. Nas fases finais, pós bolha, essa mão torna-se muito mais jogável. Você pode usá-la em um aumento ou até mesmo uma 3-bet em posição.

À medida que o torneio avança, mais jogadores são eliminados e os blinds aumentam. É a hora em que se deve assumir mais riscos. Com blinds maiores, sua pilha de fichas em relação ao blind se torna cada vez menor. Se você tentar ficar de fora, à espera de mãos especiais, você vai acabar pagando os blinds e não jogando. E isso não é divertido!

Todos os jogadores ao seu redor, tanto na sua mesa como em outras, estão ganhando grandes potes e acumulando pilhas de tamanho considerável. As pilhas grandes estão ficando maiores e os líderes do torneio estão se distanciando.

Então, nas fases intermediárias, você precisa se ocupar. Nessa fase, o botão se torna seu melhor amigo. Enquanto os jogadores mais agressivos tentam construir pilhas maiores, os mais fracos estarão interessados ​​em desistir para tentar ganhar algum dinheiro. Salte sobre eles! Use o medo deles em seu benefício, quando em posição, com o objetivo de roubar blinds. Nas partes finais de um torneio, os blinds são muito maiores, e o risco global pode valer a pena. Você também deve abrir seu leque de mãos iniciais para incluir aquelas que possam quebrar pares. Conectores de mesmo naipe e pares baixos (com a intenção de formar uma trinca) são bons candidatos.

Nas fases finais, preservar fichas é fundamental. Construir seu stack ainda é importante. Mas por que arriscar enormes quantidades de fichas que você levou as duas fases anteriores para acumular? Identifique os sobreviventes e aproveite-se do medo deles de eliminação.

Então, para os novos jogadores de torneio, uma boa estratégia padrão é começar seletivamente durante os primeiros níveis. Conforme o andamento do torneio, abra seus leques, pelo menos o dobro durante cada fase do jogo. Com esta meta, você deve sobreviver às primeiras rodadas e chegar às fases intermediárias quase sempre.

2. Ir a all-in ou desistir?

Vamos começar dizendo que, se você simplesmente lembrar-se de nunca deixar seu stack ficar abaixo de 10 big blinds e só ir a all-in ou desistir na hora certa, vai se tornar um jogador de torneio muito melhor. Sem dúvidas!

No entanto, apesar de ter um plano sólido, às vezes, nada dará certo e sua pilha vai diminuir. Quando isso acontecer, você será forçado a assumir riscos que normalmente não assumiria. As fichas estarão valendo muito e será preciso muita coragem para conquistá-las. Isso não significa ir a all-in sem mais nem menos. Lembre-se de que o título deste capítulo é "ir a all-in ou desistir?" e não “seja o que for, vou a all-in!”.

Por exemplo, você está em um MTT entrando nas fases intermediárias. Há um aumento de 4xBB e, em seguida, uma 3bet (re-raise) all-in na sequência. Com os blinds em 100/200, arriscar seus US$ 2 mil em fichas restantes com Ás e uma carta mais baixa é loucura. É nesta situação que entra o conceito "ir a all-in ou desistir". Nesta situação, você só pode ganhar com a melhor mão no showdown. Desistir e esperar um lugar melhor, mesmo com 10BB restando em sua pilha, é apropriado.

Em geral, você só pode realmente chamar all-in com poucas fichas se tiver uma mão muito poderosa, como AA ou KK, ou se seu stack estiver tão baixo que não lhe dê outra opção. Quando estiver na fase do stack baixo, você deverá forçar o all-in independentemente. Não há tempo para enrolação, esperando os deuses do poker sorrirem para você.

Por outro lado, se você decidir ir all-in no pré-flop com uma mão medíocre, dobrará suas chances de ganhar. Por quê? Todo mundo poderá desistir e você faturar os blinds. Se alguém pagar, você ainda poderá ter a sorte e ganhar no showdown. Quando há ação no pós-flop com vários jogadores, saber quando ir a all-in ou desistir é um pouco mais difícil. Quanto mais pessoas você precisa enfrentar, menos chances tem de ganhar.

Há uma série de gráficos que você pode usar para descobrir se deve ir a all-in ou desistir. O gráfico abaixo é específico do botão, mas você pode encontrar um para cada posição na mesa.

 

3. Tamanho das apostas nos torneios

O tamanho das apostas pode ser a diferença entre participar de uma mesa final e ser eliminado antes. Basicamente, há dois momentos em um torneio em que o tamanho das apostas é importante: o pré-flop e o pós-flop. Vamos conhecer ambos:

  • Tamanho das apostas no pré-flop

    Em todos os torneios, você deve ter um aumento no pré-flop que siga o que está acontecendo na mesa. Ele também deve fazer sentido com os seus adversários. Aumentar para 5xBB quando todo mundo está aumentando para 2,5xBB vai colocar um holofote sobre você.


    Para alguns jogadores, esse tipo de estratégia funciona. No entanto, para iniciantes, seguir um valor padrão de aumento no pré-flop é melhor. Agora, conforme o torneio avança, você pode aumentar ou reduzir esse valor ligeiramente, com base no tamanho do seu stack.

  • Tamanho das apostas no pós-flop

    Após o flop, todas as apostas começam. Agora você realmente precisa saber o que está fazendo. Em praticamente todas as situações em que esteja aumentando no pré-flop, você deve apostar. Cerca de 50-70% do pote é um bom tamanho de aposta de continuação (c-bet).


    Esse valor ajudará a definir a força da sua mão, deixando seus adversários saberem que você tem uma boa mão. Qualquer valor menor e você poderá levar um aumento ou um pedido de mesa seguido de aumento. Qualquer valor maior e poderá encontrar-se comprometido com um pagamento de um all-in com uma mão medíocre.

Vejamos um exemplo de um tamanho de c-bet apropriado:

Você está nas fases iniciais de um MTT com os blinds em 25/50. Você aumenta 2,5xBB do Hijack com A ouros-Q espadas. O botão paga, o SB desiste e o BB paga. O flop abre Q copas-9 ouros-2 espadas. Agora você tem um par maior com desempate (kicker) maior. Aquele Q-9 do mesmo naipe na mão pode ser um pouco preocupante, mas a mesa parece bem tranquila. Uma c-bet de 2/3 do pote seria uma boa jogada. Vai eliminar os pares médios e atrair o Q com um desempate (kicker) mais fraco.

À medida que o torneio entra nas fases finais, você pode reduzir esse número para cerca de 25-30% do pote. Lembre-se, suas fichas valem mais, e você quer mantê-las. Não é hora de apostar com ar excessivamente agressivo. É ainda mais importante controlar o tamanho do pote e as apostas dos seus adversários.

  • Tamanho da aposta 3bet pré-flop

    Descobrir o valor certo da 3bet pode ser um desafio, especialmente se há outros jogadores dando call na mesma mão. Digamos que você esteja nas fases intermediárias de um torneio (com 45BB) e se encontre no Cut-off (posição anterior ao dealer) com AK do mesmo naipe. Um jogador na posição intermediária (com 30BB trás) abre com aumento para 2.5xBB e o jogador Hijack (com 25BB) paga.


    Você gostaria de fazer uma 3bet saudável aqui, mas qual seria um valor justo? Como você vai estar em posição sobre os seus adversários pelo resto da mão, um 3x o aumento original é bom. Mas e quem está envolvido na mão podendo dar call? Ah, em potes com vários jogadores, você tem que prestar contas desse dinheiro extra e possíveis jogadores podendo dar call na 3bet. Adicione 1x o aumento original para cada um. Neste caso, há um jogador a mais na mão, além da pessoa que aumentou, então sua 3bet deve ser 4x o aumento original.


    Agora, quando você está fora de posição, deve definir a sua 3bet em 4x o aumento original ao enfrentar um adversário. Com vários outros jogadores dando call na mesma mão, adicione 1x para cada e mais 1-2x o aumento original. Esse valor protegerá sua mão e eliminará os que possivelmente continuariam no flop.

Lembre-se sempre de analisar atentamente a situação e ajustar o tamanho da sua aposta de acordo. Pode ser a diferença entre ganhar e perder a mão.

4. Como chegar à mesa final

Nesta seção, vamos dar alguns conselhos que ajudarão a chegar a esse "santo graal" do poker: a Mesa Final. Em primeiro lugar, nunca cometa o pecado original de todos os pecados capitais em torneios de poker: supor que você "possui" as fichas de seu stack. Não é uma mesa a dinheiro. Você não pode simplesmente se levantar e trocá-las. As fichas de torneio não têm o mesmo valor que as fichas das mesas a dinheiro. Simplificando, nenhum jogador ganha 100% do total de prêmios no final.

Nos torneios, a mesa final é onde está a grana alta. Para chegar lá é preciso foco e trabalho árduo. Mesmo que você seja o líder em fichas, nunca terá fichas suficientes. Use essa oportunidade para tirar proveito dos jogadores que estão com um jogo mais seletivo. Eles querem chegar à mesa final, mas estão tomando o caminho errado.

Aqui estão 5 dicas para chegar à mesa final com mais frequência:

  1. Mantenha a agressividade – especialmente no final dos eventos: enquanto seus adversários estiverem tentando manter as fichas, use as suas para conseguir mais. Por exemplo, você vê um jogador com um stack médio constantemente desistindo no botão para os blinds. Na posição final, use esse conhecimento para aumentar o botão dele em todas as oportunidades. Se ele não está preocupado em pressionar os blinds, você está!

  2. Mantenha a pressão sobre os pilhas pequenas: jogadores com pilhas pequenas, nas fases finais dos torneios, ficam assim por várias razões, geralmente por uma jogada sem sorte ou por um jogo excessivamente seletivo-passivo (tight-passive). A boa notícia é que você pode tirar proveito de ambos para ajudá-lo a chegar à mesa final com um stack saudável. Fique de olho na 3bet do perdedor da jogada sem sorte e use a oportunidade para pegar o resto das fichas dele, se puder. Pressione o jogador seletivo-passivo (tight-passive) a abrir mão dos blinds e desistir no pós-flop em mesas assustadoras e empolgantes.

  3. Procures jogadores mais seletivos: conforme se aproxima da mesa final, haverá muito mais jogadores com medo de perder as fichas e é fácil detectá-los. Eles são os únicos que passaram de aumentar a cada botão para desistir no BB e fazem aumento mínimo no SB. Entre na ação que eles não quiserem dar a você e roube muitos blinds e potes deles, o máximo que puder.

  4. Abra o seu jogo – especialmente se você estiver deep-stacked (com um grande número de fichas): ser um peixe grande em um pequeno lago tem suas vantagens. Uma delas é o assédio moral sobre os outros na mesa. A mesa final está a apenas alguns lugares de distância e ninguém quer ficar fora nesta fase. Tente roubar os blinds com mais frequência e usar a 3bet dos que aumentarem na posição intermediária, quando achar que eles estão fracos.

  5. Roube os blinds em todas as oportunidades: já dissemos isso um milhão de vezes. Nas fases finais, quando você estiver perto da mesa final, os blinds estarão bem robustos. E, geralmente, há "antes" jogados em boa medida. Não jogue com medo nem desista dos blinds quando deveria estar aumentando.

5. Agressividade oportuna vence torneios

Todo mundo sabe que agressividade vence torneios, certo? Mas o que isso realmente significa? O maníaco que faz 3bet a cada aumento? O jogador que nunca deixa de aumentar os blinds? Ou o cara que simplesmente não deixa de apostar no que aumentou? A resposta curta é não. A resposta longa é um pouco mais complicada.

A agressividade nos torneios de poker é um ato de equilíbrio delicado entre a sobrevivência e o acúmulo de fichas. Não é possível chegar longe nos torneios sem manter as fichas. Por outro lado, não é possível aumentar o número de fichas sem arriscá-las para ganhar mais.

Entretanto, se você jogá-las imprudentemente, suas chances de sobreviver e chegar à mesa final serão mínimas. Agressividade “oportuna” é a ordem do dia.

Você deve buscar oportunidades em que suas chances de ganhar, por ser agressivo, sejam mais elevadas. À medida que o torneio avança, os blinds ficam maiores, exigindo um jogo mais agressivo. Você precisa se tornar muito mais agressivo nestas fases finais, mesmo que apenas para manter o ritmo com blinds e antes cada vez maiores.

Por exemplo, no início de um torneio, você desistiu com J-9 do mesmo naipe no Cut-off. Agora, como está nas fases finais, você pode acabar aumentando nessa mesma posição. É certo que o aumento seria por causa dos blinds maiores, mas o fato é que você está jogando mais agressivamente.

Outro movimento agressivo exigindo agressão oportuna controlada é uma forma de "isolamento" do jogo.

Vejamos um exemplo:

Você está entre as fases intermediária e final de um torneio com os blinds em 200/400. O jogador UTG (10 mil fichas) aumenta para 3xBB. MP2 (8 mil fichas) paga. Você (30 mil fichas) está no botão com par de Dez. Os Blinds estão com stacks um pouco pequenos e desistem rapidamente. O momento é perfeito para uma 3bet agressiva e exagerada, possivelmente até mesmo um all-in.

A chave para esta ação é que você não arrisca a sua vida no torneio. Se pagarem, eles estarão em all-in, não você. Você está feliz em faturar um pote “sem dono” ou em receber um call contra um par menor (ou mão inferior) e quebrar um jogador.

Desenvolver um estilo de jogo destemido e corajoso o levará longe. Ajudará você a aproveitar dos jogadores que estão "jogando assustados". Quando se deparar com uma chance de roubar os blinds, faça isso. Mas tente competir. Não faça isso a cada rodada e sempre a partir do botão. O cut-off pode ser um lugar decente para roubar também. E não tenha medo de desafiar c-bets (apostas de continuação) quando suspeitar que seu adversário esteja apostando apenas pelo prazer de apostar.

O fator preponderante é que você não chegará à mesa final e além se não for agressivo. É o que separa o “quase” do “eu faturei essa”.

Pronto para jogar de verdade? Experimente nossos incríveis torneios de poker!

Achou isto interessante?    

Obrigado por nos ajudar a melhorar.

     

Copyright 2002 - 2016 Cassava Enterprises (Gibraltar) Limited., subsidiária integral da 888 Holdings plc.
A Cassava Enterprises (Gibraltar) Limited foi estabelecida em Gibraltar, que faz parte da União Europeia.
A 888 Holdings plc está cotada na Bolsa de Valores de Londres.
A Cassava Enterprises (Gibraltar) Limited está licenciada e autorizada a oferecer serviços de jogos e apostas online nos termos das leis de Gibraltar (Licença para Jogo Remoto números 022 e 039) e não atesta a legalidade de tais serviços em outros países.
Nossos serviços no Reino Unido são operados pela 888 UK Limited, uma empresa estabelecida em Gibraltar, licenciada e regulamentada pela Great Britain Gambling Commission (Comissão de Jogos de Aposta da Grã-Bretanha).
Nossos serviços nos estados membros da União Europeia (com exceção dos estados em que nossos serviços são fornecidos segundo uma licença local) são operados pela Virtual Digital Services Limited, uma empresa estabelecida em Gibraltar, que faz parte da União Europeia.
A Virtual Digital Services Limited opera sob a proteção de uma licença de jogo fornecida segundo as leis de Gibraltar.
Nossos produtos de apostas são operados na Irlanda, pela 888 Ireland Limited, uma empresa incorporada em Gibraltar, licenciada pela Revenue Commissioners (Delegados da Receita Federal) da Irlanda.
Nosso endereço: 601-701 Europort, Gibraltar.
Encorajamos o jogo com responsabilidade e apoiamos a GamCare.